30/12/2015

Retrospectiva 2015 #3 - Personagens Favoritos de 2015


Hey pessoal (ei moçada!), estamos começando mais um dia! E com mais uma postagem da nossa retrospectiva, dessa vez será os personagens favoritos do ano. Conheci muitos personagens, alguns ganharam meu ódio eterno, outros me fizeram amá-los incondicionalmente e serão 5 desses que irei contar pra vocês e obviamente os meus porquês. 

Vamos conferir? 

1. Vida (A Máquina de Contar histórias)

Eu admito que não sou uma pessoa muito ligada a crianças, acho-as lindas, fofas, sou doida pra ser mãe (um dia, a longo prazo), mas a gente vê crianças mimadas, que perdem a sua ingenuidade, pais que tratam como se fossem estorvos, crianças querendo ser adultas e se perdendo pra esse mundo que me cansa de uma forma que... enfim. Mas aí leio crianças dos livros, crianças que quero que os meus filhos sejam. Só crianças, com sua pureza, ingenuidade, sacadas incríveis... a Vida é assim, ela só tem quatro aninhos é meiga, é fofa, é daquelas que você olha e quer roubar pra você. 

Foi uma das personagens que mais me apeguei em 2015, foi incrível conhecê-la!




2. Budo (Memórias de um amigo imaginário)

Budo é o amigo imaginário do Max, ele por muitas vezes é um pouco irritante por causa do medo do Max esquecer dele. Contudo, a gente vai vendo ele amadurecer e aprender que o amor é mais importante que qualquer coisa... eu sei que ele é imaginário, mas ao mesmo tempo é real. Essa brincadeira que o autor fez foi sensacional... O personagem é incrível, me apeguei ele de uma forma que eu queria que ele fosse meu amigo imaginário... mas infelizmente nunca tive um =/ rs

Parece ser infantil demais a história, certo? errado... é muito mais que isso e vale a pena ser lido. 





3. Maya (A Vida do Livreiro A. J. Fikry)


Maya é uma menininha que fora abandonada pela mãe em uma livraria, a livraria do A.J. Fikry - um homem solitário que nunca pensou em ser pai ou criar uma criança. Mas a May é do tipo de criança que encanta (tipo a Vida), que ganha o coração de todos. E fisgou o coração do livreiro. O livro é bem curtinho, por isso não irei contar o que acontece e como acontece. Mas é singelo, encantador e incrível. Vale a pena conferir a história!







4. Sorcha (Filha da Floresta)

Se teve uma personagem que me fez chorar junto com ela ou melhor, por ela, foi Sorcha. Pense numa personagem que engoliu o choro, engoliu humilhações e n coisas que não irei falar pra não dá spoilers... mas foi muito dolorido pra mim que tava lendo, imagine pra ela que estava vivenciando. Mas nada do que ela passou fez abaixar a cabeça ou esquecer quem ela é. Ela lutou bravamente contra os monstros da vida e os dela própria. 

Foi uma personagem que me ganhou pela garra, força e determinação. Se você gosta de personagens assim leia Filha da Floresta porque sem dúvidas não irão se arrepender. 





5. Penelope Featherington (Os Segredos de Colin Bridgerton)

Penelope é a garota menos popular, é gordinha, é pelo padrão de beleza da época feinha... é uma solteirona, afinal já tem seus 28 anos. Ok, essa idealização toda é ridícula para nós mulheres do séc. XXI, contudo no século XIX não era bem assim que as coisas aconteciam. E infelizmente as mulheres que chegavam em uma certa idade dificilmente casava, ficavam solteirona pro resto da vida... Pensa-se que a personagem iria ficar de mimi, chatinha por causa disso... mas pelo contrário, a Penelope queria sim casar e ter filhos, mas não ficava se martirizando, sofrendo ou chorando pelos cantos. Ela levanta a cabeça, apesar de ser difícil viver numa sociedade assim, cheio de padrão e ela não seguindo nenhum... Ela se mostrou forte, ao ponto de zombar de si própria. 

Eu já havia conhecido, um pouco, dela nos outros livros... mas nesse a conheci bem mais (coloca mais aí) e fiquei surpresa com ela e com a mulher determinada que se tornara. 

~~~

Então é isso pessoal! :D
Amanhã saí o último post da nossa retrospectiva, já imaginam o tema? tá fácil! haha

Beijos,
Kamilla


2 comentários

  1. Olá :)
    Adorei suas escolhas, a Penelope é demais mesmo!Tenho muita vontade de ler essa série de "A filha da floresta"
    Beijão,

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Também gostei muito da Sorcha <3 E a Maya é uma menina especial, sem dúvida alguma. A Vida do Livreiro é um dos meus queridinhos da vida. Quero logo dar continuidade aos livros dos Bridgertons! Já bateu saudade...
    Beijo ♥♥
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO