15/01/2016

RESENHA: Auggie & eu, Três histórias extraordinárias - R.J. Palacio

Auggie & eu

Autor(a): R. J. Palacio
Editora: Intrínseca
Páginas: 326
Edição: 1
Ano: 2015
A história de Auggie Pullman, o menino de aparência incomum que tem encantado milhares de leitores desde o lançamento do romance Extraordinário, em 2013, ganha agora novas perspectivas: Julian, Christopher e Charlotte, personagens da vida de Auggie, narram nos três contos reunidos no livro Auggie e eu seus encontros e desencontros com o amigo extraordinário.
O capítulo do Julian dá voz a um personagem controverso: o menino que liderava o bullying contra Auggie na escola. Enfim temos a oportunidade de entender o que o levou a agir dessa forma e o que Julian pensa das próprias ações. Em Plutão, o narrador é Christopher, o primeiro amigo de Auggie. Os dois meninos compartilham lembranças da infância e, apesar de terem se distanciado, aprendem que boas amizades sempre valerão um esforcinho a mais. Shingaling mostra Auggie pelos olhos de Charlotte, a única menina entre as três crianças escolhidas para apresentar a Auggie sua nova escola. Com ela entramos no universo das garotas e vemos como a chegada de Auggie afetou as relações entre elas.
Para quem sente saudades do menino cativante de feições e personalidade extraordinárias e tem curiosidade em saber mais sobre sua história, Auggie & eu é um verdadeiro presente.
Cada história foi incrível, mas tenho o meu preferido dentre eles: O capítulo de Julian. 

Olá pessoal! Começando mais uma resenha pra vocês, dessa vez do livro: Auggie & eu, o livro que trás os contos extraordinários - do Julian, Christopher e Charlote. 

No começo do livro há uma nota introdutória da autora onde informa que esse livro não é continuação de Extraordinário, mas sim são três histórias extraordinárias de alguns personagens da trama. 

Vamos conhecê-las?!

~~

O Capítulo do Julian

Esse conto foi o melhor de todos, já havia lido ele há um tempo atrás e reli agora. E continuo amando a história, a avó do Julian e quer saber? até o próprio Julian. Essa história mostra que nada justifica o bullying, mas que nada acontece do nada, sempre se tem algo por trás. 

Não vou me adentrar na história do conto porque já fiz resenha aqui pro blog, se quiserem lê-la é só clicar aqui. Só adianto que: vale a pena!

Plutão:

Esse conto trás a história do Christopher que era amigo do Auggie desde que ele nasceu, literalmente. As mães deles deram a luz quase ao mesmo tempo e desde então eles ficaram amigos, mas com o passar do tempo ele foi percebendo como era difícil ser amigo do Auggie, não por ele não ser uma boa pessoa ou legal, mas por causa da aparência dele que algumas pessoas (ou muitas) ficam receosas ou zoando do Auggie. O Chris nunca foi desse tipo, mas ele também queria ter outros amigos e por conta que começou a morar mais distante se afastou do Auggie. 

Nesse conto nós passamos a entender o lado do Chris, mas ao mesmo tempo eu ficava meio chateada por ele ter se afastado, contudo é bem justificado. É uma criança, e todo mundo que está nessa fase começa a passar por algo assim. Mas sempre tem a luz no fim do túnel, certo? E o Chris começa a perceber e toma as decisões certas no final, mas o melhor não é a decisão, mas a aprendizagem que ele tirou. Agora vocês devem estar se perguntando, porquê Plutão? Bom, é uma história do Auggie e do Chris que não vou contar pra descobrirem ao ler :p

Shingaling:

Depois do capítulo de Julian esse foi o conto que eu mais curti a leitura. Ele fala sobre a Charlotte, a única menina que foi designada a receber o Auggie na escola com o Julian e Jack. A nossa protagonista ela sempre fica neutra em tudo, não gosta de se intrometer onde não é chamada e nem fica de mimi. Ao conhecer o Auggie ela não é rude e nem nada do tipo, trata com naturalidade e sempre fala com ele, mas nunca se aproxima dele, porque os outros falam e ela sempre fica neutra em tudo. E não, isso não é um ponto negativo, não acho pelo menos.

Ela tem uma amiga que acaba fazendo parte de outro grupinho, o das populares, e a Charlotte quer também ser aceita naquele grupinho, mas não muda quem é pra isso. Será que ela consegue? ou diante das mudanças ela vai continuar querendo adentrar no grupo? Bom, isso vai transcorrendo a história da Charlotte, pensamentos e ações vão mudando. Não vou falar muito da história porque vai acabar estragando a magia de lê-la.

~~~ 

QUOTES: 
“Ás vezes odiamos as coisas de que temos medo.”
“Se perdemos muito olhando para trás, não vemos aonde estamos indo!”
“Eu acredito que um sonho é como um desenho em sua mente que vai ganhando vida. Você tem que imaginá-lo primeiro. Depois tem que trabalhar muito, muito pesado para troná-lo realidade.”


4 comentários

  1. Oi Kamilla,

    Quero muito comprar esse livro. Já li o conto Plutão e adorei. Vi que você adorou O capítulo do Julian, então vou fazer o possível para conseguir ler logo.
    Amo Extraordinário ♥

    Beijos
    Historiar

    ResponderExcluir
  2. Adorei Extraordinário e tenho certeza que vou amar os contos!
    Beijão,

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que goste, são bons, mas não supera extraordinário rs
      Beijos

      Excluir

PAGINAÇÃO