12/02/2016

RESENHA: O Penúltimo Capítulo - Clarice Pessato

O penúltimo capítulo

Autor(a): Clarice Pessato
Editora: Imprensa Livre
Páginas: 208
Edição: 1
Ano: 2014
Ao referir-se a capítulos, a autora faz uma alegoria como se a vida fosse um livro esperando um último capítulo com final feliz, Clarice, uma jovem de 18 anos, ativa e cheia sonhos, vê sua vida se transformar quando foi vítima de um acidente automobilístico que a deixou tetraplégica.
Ela conta a história da luta contra a tetraplegia e a discriminação e que, pela fé, venceu o sofrimento e a falta de respostas, recebendo a capacidade para superá-los. Também mostra como Deus pode usar até mesmo as experiências mais dolorosas de nossa vida a fim de levar-nos para mais perto dEle e executar seus propósitos através de nós.
História incrível!

O livro conta a história da Clarice Pessato, sim é quase que uma autobiografia, mas esse conta em especifico sobre algo que a aconteceu e todas as provações que teve que passar. Clarice  aos 18 anos sofreu um acidente de carro que a deixou tetraplégica (A tetraplegia ou quadriplegia é quando uma paralisia afeta todas as quatro extremidades, superiores e inferiores, juntamente à musculatura do tronco. À impossibilidade de mover os membros associam-se, em grau variável, distúrbios da mecânica respiratória, podendo causar demência leve.). O penúltimo Capítulo é narrado pela própria autora, onde ela conta o antes, o durante e o depois do acidente, não necessariamente nessa ordem. Ela intercalou muito bem as cenas, colocando momentos como se fossem flashbacks quando mencionava algo durante o tratamento ou quando estava em recuperação das cirurgias, por exemplo. E isso deu um dinamismo a mais à leitura. 

A história do livro é incrível, tudo que a Clarice passou, continuou lutando, cheia de esperanças e chegar no final das contas percebendo e tendo orgulho de ser quem é e de estar como está, foi ótimo! Não esperava um livro assim quando li a sinopse e me surpreendi bastante... A autora nos apresentou seus medos, anseios, realizações e superações que sem dúvida alguma faz nós - leitores - pensarmos e evoluirmos como ser humano.

No começo da resenha disse que o livro é quase uma autobiografia, mas não é só um livro que conta a história de si própria, há divagações e a Clarice fala muito da palavra de Deus e da sua fé e entendimento gradativo sobre o que é amar a Deus. Então o livro pode ser classificado como religioso também, o que pode não agradar a todos. Particularmente não sou uma pessoa religiosa, tenho fé em Deus e o amo incondicionalmente, mas não me vejo frequentando igrejas, cultos e nem nada do gênero e isso acabou deixando a leitura um tanto quanto cansativa, contudo achei válido todas as colocações da autora, achei incrível de verdade a força da Clarice através da sua fé.

Sobre a capa: Acho-a maravilhosa... e tem tanto a ver com a história, a própria mostra-nos como e o título também.

Comentário final: O livro tem uma mensagem bacana, mas mais que isso a história da Clarice deve e merece ser lida!

QUOTES:
“Mas somente quando o que eu confiava se desfez foi que meus olhos foram abertos para que eu pudesse ver o que é eterno.”


2 comentários

  1. Que livro lindo, que história tocante! Não sou fã de autobiografias ou biografias, mas tem algumas exceções que fazem o coração bater mais rápido, pelo que você falou a história deve ser realmente incrível! ♥

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO