04/03/2016

RESENHA: Orgulho & Preconceito - Jane Austen

Orgulho & Preconceito

Autor(a): Jane Austen
Editora: Martin Claret
Edição: 1
Ano: 2015
Na Inglaterra do final do século XVIII, as possibilidades de ascensão social eram limitadas para uma mulher sem dote. Elizabeth Bennet, de vinte anos, uma das cinco filhas de um espirituoso, mas imprudente senhor, no entanto, é um novo tipo de heroína, que não precisará de estereótipos femininos para conquistar o nobre Fitzwilliam Darcy e defender suas posições com perfeita lucidez de uma filósofa liberal da província. Lizzy é uma espécie de Cinderela esclarecida, iluminista, protofeminista. Neste livro, Jane Austen faz também uma crítica à futilidade das mulheres na voz dessa admirável heroína — recompensada, ao final, com uma felicidade que não lhe parecia possível na classe em que nasceu.
Super curti, mas esperava mais. 

Elizabeth Bennet, ou Eliza ou Lizzy, é uma jovem que vive com seus pais e suas quatro irmãs. A Lizzy é uma pessoa bem ligada a ser quem ela é e não abaixar a cabeça pra ninguém, se adaptando do jeito que dá já que a história se passa no século XVIII. No local onde ela mora, se muda o Sr. Bingley um rapaz rico e solteiro... o que deixa a mãe das Srtas Bennet's louca querendo que uma das suas filhas o fisguem e façam um bom casamento. De fato o Sr. Bingley começa a gostar de uma das filhas, que todos devem saber quem é, mas não irei falar. Este personagem tem um amigo bem próximo, o Sr. Darcy, que é conhecido por ser orgulhoso e arrogante. 

Ao conhecer um pouco do Darcy, Elizabeth bate o pé e diz que ele é uma pessoa não digna de amizade. Porém tudo muda, né?! O Sr. Darcy começa a nutrir sentimentos pela Lizzy, mas esse não parece ser correspondido. O tempo passa e o Darcy, e os Bingleys vão embora... A Elizabeth só volta a ter contato com o Darcy quando viaja pra visitar uma amiga e aí então ele revela o que sente, ela começa então a repensar os sentimentos dela para com ele. 

O livro é bem agradável, clichê, mas gostoso de ler e de se encantar pelos personagens. Contudo fiquei um tanto quanto decepcionada, já ouvi falar maravilhas deste livro... talvez seja o meu momento, porém não achei tudo isso o que falam. Os personagens são bem construídos e apaixonantes, é fato, porém quando assisti o filme vi a protagonista mais falante e divertida (sabe, com tiradas bem legais), mas não vi muito disso no livro... Li alguns comentários que essa tradução cortou um pouco disso mesmo, não sei se é verdade, visto que só li essa. 

Apesar da decepção citada, o livro é apaixonante... Torcer pelo Darcy e Lizzy é algo que você vai fazer de imediato! Uma das personagens mais engraçadas da trama sem dúvidas foi a Sr. Bennet, a mão das cinco irmãs, ela é doidinha da cabeça... ok, eu sei que naquela época o foco era de fato casar as suas filhas e fazer com que elas tivessem um bom casamento, mas ela empurrava legal. hahaha Achei isso engraçado e ao mesmo tempo posso ter sentido uma alfinetada da autora? hm... Uma outra coisa que devo comentar que tudo no livro aconteceu gradativamente, todos os sentimentos, a não ser obviamente o preconceito, que mais uma vez senti uma crítica ali da autora. A protagonista em si é quase uma crítica porque ela não faz muito o padrão mocinha que quer casar e não nutrir um sentimento para o marido ou virar totalmente submissa dele. Simplesmente adorei ler isso, principalmente levando em consideração que a autora escreveu no século 18 (sim, o livro se passa nessa época)! Será que Jane Austen estava a frente do seu tempo?!

Comentário final: Clássico é clássico! E vale muito a pena conhecer a escrita da tão aclamada autora Jane Austen. Leiam!

QUOTES: 
“Garanto que não há nada mais divertido do que ler!”
“Muitíssimas vezes, a nossa vaidade é que nos ilude. As mulheres julgam que a admiração signifique mais do que realmente significa.”
“Só pense no passado quando as lembranças lhe trouxerem prazer.”




PS: A minha edição é a da capa rosa que vem os três livros da Jane: Persuasão, Razão & Sensibilidade e Orgulho & Preconceito, por isso os dados no cabeçalho da postagem com o informativo sobre o livro são poucas. 


11 comentários

  1. Olá :)
    O&P é um dos meus livros favoritos da vida e estou enlouquecida por essa edição, preciso, necessito dela pra ontem, amei sua resenha e seu ponto de vista :D

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Kamilla, eu sou apaixonada por Orgulho e Preconceito, amo a história e os personagens.
    É meu livro preferido.
    Não se ache diferente porque não gostou do livro. Gosto é assim mesmo. Nem todo mundo vai gostar das mesmas coisas que você e vice-versa.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade... gostei bastante do livro, mas acho que foi com cede demais ao pote.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi kaah,
    Olha eu sou louca pra ler Jane Austin faz tempo, por ser clássico e por tudo que ela representa até pro movimento feminista, uma mulher bem a frente do seu tempo, porém essa edição eu queria mesmo pela capa, que é linda demais.
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvidas, ela era uma mulher bem a frente mesmo! Essa edição é linda e ainda tem ilustração em cada livro.
      Beijos,
      Kamilla

      Excluir
  4. Esse livro é perfeito <3
    Sua resenha está incrível.
    Parabéns!!!

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
  5. Sempre ouço maravilhas desse livro. Quero muito lê-lo e sua resenha me deu uma boa noção do que esperar. Ficou fantástica :)

    https://insidethebookssite.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Já li e reli a resenha inumeras vezes, já ouvi criticas negativas e super positivas a questão é que tive péssimas experiencias com livros de época EMBORA AME DE CORAÇÃO. Este clássico está guardadinho inclusive nao assisti ao filme para criar mais expectativa, mas ainda não rolou.

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO