01/07/2016

RESENHA: Minha Pequena, Grande Mulher - Simone Fraga

Para Amar e Proteger - Minha Pequena, Grande Mulher
Autor(a): Simone Fraga
Livro Independente
Páginas: 316
Edição: 1
Ano: 2013
Para amar e proteger #1
Nem mesmo uma infância sofrida, cheia de abusos impediu que Júlia se tornasse uma mulher forte e independente, a frente dos negócios da família. Mas, o passado retorna e traz com ele a melhor e a pior parte de sua história...
Lucas sempre protegeu a amiga de infância e por ela se apaixonou em segredo, um sentimento que só fez crescer durante todos esses anos, e nem mesmo a distância a fez diminuir. Quando o maior pesadelo de Júlia retorna, ele fará de tudo para mantê-la a salvo, de preferência ao seu lado e na sua cama.
Mas será que Júlia estará preparada para se entregar a um novo Lucas, que tem desejos e preferências que podem assustá-la? O amor, a confiança, o respeito e proteção, sentimentos que envolvem essa relação, serão fortes o suficiente para resistir e vencer o passado, e a violência que ela ainda terá que enfrentar?
Não esperava muito do livro, mas me surpreendi... 

Ganhei esse livro em 2014 e até hoje não havia lido, porquê? Nem eu sei. E acabei curtindo bastante a leitura, mas vamos ao livro. Ele conta a história de amor entre Lucas e Júlia, mas nem tudo são flores... principalmente no começo de uma relação. Os dois se conhecem desde sempre, mas sempre ficaram na amizade, porquê? Porque não queriam perder a amizade um do outro com uma relação, por isso guardaram pra si o sentimento. Anos se passaram, a vida dos dois mudou completamente... Júlia se tornou uma mulher bem sucedida, forte e independente e o Lucas mais ainda, criou sua própria empresa de segurança. Eis que entra o Sr. Alfredo, tio (que é um paizão) contrata o Lucas pra cuidar da segurança da Júlia, vocês devem estar se perguntando o porque disso, correto? Eu explico, a Júlia passou por poucas e boas, que nenhuma mulher merece passar, ela não chegou a ser estuprada, mas pra violentar uma mulher, queridos, não se precisa ser só de forma física. Enfim, voltando a trama, Lucas - obviamente - aceita e quando vê a Júlia o sentimento retoma ainda mais forte e adivinhem o que acontece com a Júlia? se sentiu da mesma forma. 

Como disse a Júlia passou por poucas e boas e o(s) responsável(is) por isso é alguém que era próximo, mas não irei dizer quem, a pessoa não aparece logo. Mas já sentimos um ódio pelo que ele fez a nossa protagonista passar, o Lucas se sente da mesma forma e esse foi o motivo da criação da empresa de segurança, que se tornou uma das maiores do mundo. Será que ele consegue proteger a Júlia? 

O envolvimento dos personagens foi rápido até, levando em consideração que ambos se conheciam e isso fica bem claro e mais claro ainda fica o sentimento que ambos sentem. Particularmente gostei bastante de não ter enrolação em relação à isso... Apesar do Lucas ter uma equipe maravilhosa de segurança, a Júlia ainda está bastante vulnerável e várias coisas acontecem em que aflige o leitor. Por exemplo a Júlia nas primeiras cenas é dopada, colocam algo na sua bebida pra tentarem pegá-la... Muitas coisas similares e bem piores acontecem. As tentativas de pegar essas pessoas e fazer com que a Júlia não venha mais passar por isso é o foco principal da trama, mas há outras... Focando nesta primeiro, há muita ação e suspense com direito a sequestro, tiros, polícia envolvida, criança sequestrada (falei que o Lucas tinha uma filha? acho que não, ele colocou o nome da filha igual ao nome da mulher da sua vida. Sim, Júlia, falarei da pequena mais a frente), tem pessoas fingindo ser quem não é, amizades falsas, intrigas, ciúmes... é uma trama recheada. 

Mudando de assunto, a capa do livro remete à algo hot, correto? Mais precisamente a algema que pra mim remete a uma relação BDSM (Bondage, dominação, disciplina, sadismo e masoquismo), mas tudo é levado de forma não muito pesada... A Júlia passou por momentos que pra qualquer mulher causa medo, revolta e até vergonha - infelizmente, mas é assim, apesar de nós não termos culpa - o fato é que o Lucas desde sempre afirmou pra Júlia que tinha gostos peculiares (lembrei do Sr. Grey haha), a Júlia ficou meio "hein? que?" e não ela não é nenhuma ingênua, mas ele apresentou tudo devagar pra nossa protagonista por causa dos traumas que ela já passara. Como um todo eu curti, mas houve algumas cenas que achei meio forçadas, tentativas do Lucas de se impor, que não me convenceu. 

Vamos saber mais sobre os personagens?
Lucas é um romântico fofo, meigo, cuidador (às vezes até demais) e uma pessoa que é bem confiável. Não irei falar sobre o porte atlético da pessoa, porque é raro se ver protagonistas de hots gordinhos ou negros (imaginem um negão alá kid bengala kkk #brinks), sempre segue o esteriótipo. Bonito, gostoso e com gominhos (autores coloquem coxas grossas, obg).
Júlia é uma personagem forte, independente, que não se deixa abalar tão fácil. Sério gente, se eu tivesse passado por metade que ela passou, não levantaria a cabeça pra baterem como ela faz... É bem complicado tudo que ela passou. A Simone foi bem feliz na construção da personagem.
A criança, Júlia, lembram que falei dela lá em cima? O Lucas colocou o nome dela igual ao do amor da sua vida. Ela é uma garotinha mais linda, meiga, fofa e inteligente... uma das minhas personagens favoritas. A ingenuidade de uma criança é fantástico.

Sobre os detalhes: Não curto muito a capa, apesar dela ter muito a ver com a trama. Apesar de ter a algema, ela não foi usada na relação. A flor tem sim a ver com a trama do livro, aliás MUITO mesmo. Diagramação, eis um tópico que irei ser chata, a minha edição foi a primeira, cuja a autora publicou de forma independente... a fonte é horrível, é daquelas desenhadas e pior ainda o tamanho dela é pequena. As folhas são brancas, o que torna a leitura cansativa. Há alguns erros de digitação e gramática. Eu ainda não vi a nova edição publicada pela Qualis, mas creio que alguns desses pontos tenham sido resolvido (tenho o conto desse livro publicado pela editora e tem folhas amarelas e a fonte é a normal/padrão).

Comentário final: O livro é bem bacana, com alguns gêneros misturados, mas que não foram jogados ao leitor. Houve uma construção gradativa que foi legal de se acompanhar... Os personagens foram bem construídos também, mas mais que isso é um livro que consegue fisgar o leitor. Vi que algumas pessoas não gostaram muito e outras amaram, sinto que nesse caso fico apenas no gostei... e por isso indico que leiam e tirem suas conclusões. 


10 comentários

  1. Oi Kamilla. Eu voltei pra procurar a algema que não tinha reparado que tinha na capa kkkk ms eu vi que é no anel, já que O BDSM não é o foco do livro apesar dele curtir, entendo que a algema significa que ela tá presa a ele de um jeito romântico rsrs. Eu gostei da resenha, já tinha visto a capa e a sinopse do livro e achado interessante e por sua resenha acho que vou gostar, a história parece prender o leitor e fiquei curiosa pra saber tudo o que ela passou :D vou colocar na lista de livros que quero ler ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lili!
      Sim, é no anel mesmo! hahaha E pode se entender que sim, mas talvez no conto que já é lançado tenha mais a ver. Você vai ficar surpresa ao descobrir quão forte a Júlia é.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Kamilla, não tinha prestado atenção na algema na capa, mas na minha interpretação, suponho que nesse enredo ela não venha a ser redirecionado apenas ao lado hot da história, mas também pelas questões de segurança e sobre o poder envolto sobre o relacionamento. Enfim, adorei a premissa e fiquei bem curiosa em relação ao perfil dos personagens. Espero também ter a oportunidade de ler.

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  3. O começo da sinopse até parece ser interesse, porém não curto esse estilo de livro.
    Realmente a capa não é das melhores...
    Que pena que você achou alguns erros ortográficos e de diagramação. Espero que na nova edição já tenham arrumado isso.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Kamilla,
    cheguei até me interessar pela história, o fato deles terem uma amizade de infância e um amor reprimido que pode finalmente, mesmo que aos poucos ser posto em prática, apesar de clichê é o tipo de trama que me atrai, mas acabei por desistir de tudo quando chegou a parte do sadomasoquismo, já atingi minha cota ao ler cinquenta tons, nunca curti ler esse tipo de narrativa e por isso vou passar a dica.

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  5. Olá Kamilla,
    Ainda não conhecia esse livro e meu Deus, que história é essa? Adorei a premissa do livro e fiquei bem curiosa para saber quem fez isso com Júlia. Outro ponto que me agradou foi que o relacionamento não demora para acontecer. Acho que nesse contexto, nada mais justo que a história ser rápida.
    Mais uma coisa que me agradou foi que as cenas de sexo são levadas de uma forma não pesada.
    Anotei a dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu já conheço a obra de e outras diversas resenhas que eu há li sobre esse livro, mas ainda ano li a obra. Acho o título o bem cumprido rsrs. Mas bem peculiar, a obra não faz bem minha área de conforto na leitura, mas vou anotar a sua dica, poie parceria ser um livro bem bacana de se ler, e achei a capa bem linda não é mesmo? Espero ter a oportunidade de ler em breve. Até mais
    Bjks

    ResponderExcluir
  7. Fatalmente eu não leria esse livro por causa da capa, tbm não curti e julgo livro pela capa, me julguem.
    MULHER, melhor pessoa "mas pra violentar uma mulher, QUERIDOS, não se precisa ser só de forma física".Curti muito a história, mas, não me pegou pra ler 316 páginas, FICO MUITO FELIZ QUE FINALMENTE TIROU ELE DA PRATELEIRA E DEPOIS GOSTOU. HAHAHA BJS.

    ResponderExcluir
  8. confesso que nunca tinha ouvido falar desse livro, mas não curti a capa nem a premissa... não gosto desse gênero de leitura... e sobre a semelhança com o carinha de 50 tons só aumentam minhas chances de não ler o livro, pois odiei 50 tons rsrsrs
    pena a revisão estar tão ruim, mas acredito que na edição nova esteja bem melhor, sem esses probleminhas anteriores...
    bjs...

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? Realmente parece ser uma trama bem recheada mesmo. A premissa e a capa não me conquistaram muito, mas que bom que surpreendeu você. Quem sabe eu dê uma chance no futuro! Beijos

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO