12/08/2017

Assistindo & Apreciando #19 - Nossos Amantes

Nossos Amantes
Estreia Mundial: 2016
Duração: 88 minutos
Classificação: 12 anos
TRAMA
Conta a história do encontro de um homem e uma mulher numa cafeteria em um momento em que suas vidas estão à deriva, e o fez lembrar da importância de se atrever a sonhar.

~~~

Vi esse filme na Netflix e a sinopse me chamou a atenção. O filme é sobre um homem que entra em uma livraria e toma algumas doses de bebida, quando uma moça senta na mesa que ele está e começa a conversar. E propõe algo diferente: Que eles conversem e saiam, mas sem saber o nome deles. Sem troca de telefones e nem contatos virtual. Ali, marcaram o próximo encontro.
Os dois são adultos e pouco sabem sobre um ou o outro, só que não. O homem, chamaremos de Duende louco (apelido dado pela mulher) e ela chamaremos Fada louca. O Duende é casado com uma mulher e a Fada tinha um namorado... A mulher do Duende pede um tempo, ele passa a seguir e descobre que ela tem outro e segue eles... até chegar numa livraria, onde encontra o amante da sua mulher terminando com a Fada Louca. 
O que será que acontece? Não falarei mais. É um filme sem muitos acontecimentos, mas que é bom para o fim de tarde. O envolvimento dos dois é gradativo e apesar do peso dos relacionamentos anteriores, eles deixam as coisas leves... eles são leves, sabe?!

Mas claro que o filme tem seus draminhas e é claro que o antigo relacionamento de ambos iria voltar a atormentá-los, principalmente do Duende louco, afinal ele era casado e tem uma filha.
E eis aí um ponto negativo. O protagonista fala muito da filha, mas ela nunca apareceu na história. É como se fosse um adereço pra dramatizar, colocando uma criança no meio, sabe?! Mas acabou que não conseguiram, não funcionou pra mim pelo menos. 

Achei a (ex)mulher dele um tanto quanto cínica e egoísta, apesar de ter tido pouquíssimas cenas que ela aparece. Mas as que a vi, me irritou.
Eu gostei muito do desenrolar da trama, de como o relacionamento deles se sucedeu. Apesar da ressalva, eu gostei bastante do filme. Houve cenas engraçadas (principalmente no que diz respeito aos apelidos), dramáticas e que deixa o telespectador suspirando pelo casal.

Os cenários são incríveis, os personagens foram bem construídos e ambos são leitores ávidos. Gostei disso. O filme trás referências literárias, bacana né?!
ELENCO
Eu não conhecia ninguém do elenco, mas gostei bastante do ator Eduardo Noriega (que fez o Duende rs) e a da Fada. Foram o que teve um destaque maior pra mim, mas todos outros que apareceram foi muito bom. Apesar de achar que poderiam ter explorado mais alguns deles.
CONCLUSÃO
O filme é muito bom, mas não é daqueles arrebatadores que te faz chorar ou sair com um sorrisão. É filme ótimo pra fim de tarde e pra passar um tempo.
~~~
Vocês já tinham ouvido falar sobre esse filme? Já assistiram?
E ah, não esqueçam de deixar sua indicação de filmes!
Beijos


17 comentários

  1. Poxa, coitadinhos desses personagens, gente ! Isso é que é ter uma história entrelaçada hein? hahaha Só pude perceber que vai ter um pouquinho de sofrimento aí ne? Mas que bom que se encontram e imagino que daí vai surgir muita coisa legal. Eu não conhecia, mas me interessei ;) Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Kamilla,
    Esse tipo de história, simples mas que consegue envolver e telespectador me chama atenção. É engraçado como o mundo funciona não é mesmo? Uma traição uniu duas pessoas e uma nova história começa a ser traçada. Achei estranho a filha do protagonista ser tão menciona mas não aparecer no filme, só pode ser apelação ao lado dramático mesmo, mas uma única cena entre pai e filha teria resolvido isso. É um filme que se visse só o nome talvez não me interessasse, até porque quase não assisto filmes espanhóis, mas sua indicação me deixou curiosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguns filmes espanhóis são bem legais, Gi! Já assisti alguns e adorei. O problema do filho foi complicado mesmo, poderiam ter colocado uma ou duas cenas. Mas não... :/ rs
      Beijos

      Excluir
  3. Olá.
    Gostei muito da indicação, não conhecia esse filme.
    Adoro filmes espanhóis. Fiquei curiosa, vou procura ver se ainda está no catálogo da Netflix! Parece ter bons momentos e boas atuações. Gostaria de assistir.
    Ficou ótima sua resenha/crítica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Adoro tramas leves para passar á tarde!
    As vezes abro o Netflix e tem tanta coisa para assistir que acabo me cansando!
    Nunca decido que filme quero ver, acho que irei ver esse sem preocupações, só para passar as horas vendo um filme bom.
    Parece meio louco como o filme se desenrola, sem eles saberem seus nomes ou número dos celulares um dos outros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É cômico, na verdade! hahah Mas é bem legal.
      Beijos

      Excluir
  5. Não conhecia o filme e de certa forma achei legal esse método deles sem telefone e redes sociais, só se encontrando e que confusão com os amantes rs. Deve ser estranho o pai falar tanto da filha e ela nem aparecer acho que também não gostaria dessa falha.

    ResponderExcluir
  6. Isso sim é que relacionamento conturbado; não costumo assistir filmes na Netflix, prefiro séries mesmo, até porque fico meia hora procurando algum filmes e nunca acho um que me interesse, por isso adoro quando vejo indicações, já vou direto naquele, gostei desse filmes por ser espanhol - fiz curso por 3 anos, mas já estou esquecendo tudo, por isso quero treinar um pouco - e por ele ser bem levinho, gosto de filmes nessa pegada, assim que tiver um tempo, com certeza vou assisti-lo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi Kamilla! Tudo bem?

    Apesar de ser um daqueles filmes passa tempo, acho que vou vê-lo algum dia desses, talvez eu também curta.

    Grande abraço,
    www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o filme e nem ninguém do elenco, mas adorei a sinopse!
    Gosto bastante quando as pessoas se conectam mesmo sem conhecer umas as outras.
    Irei assistir qualquer dia, uma ótima dica.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Kamilla!
    Ainda não tinha ouvido falar sobre o filme, mas até gosto dos dramas nos novos relacionamentos e quando os ex voltam para atormentar, parece que só reafirma a vontade de continuar no novo relacionamento.
    Uma pena se falar tanto na filha e ela nem aparecer durante o filme...
    Desejo um final de semana mais que tranquilo e abençoado!
    “Deus com Sua infinita Sabedoria, escondeu o Inferno no meio do Paraíso para que nós sempre estivéssemos atentos.” (Paulo Coelho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  10. Olá Kamilla!
    Gostou muito de drama, principalmente em filmes, já esse não tinha conhecimento sobre ele, mas a trama e bem envolvente. Gostei dos personagens, da historia e achei bem engraçado como eles coloca nomes estranhos em um ao outro. Procurarei assistir ele depois.

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO