22/09/2017

RESENHA: A Garota do Calendário Junho - Audrey Carlan

A Garota do Calendário #6
Autora: Audrey Carlan
Editora: Verus
Páginas: 160
Edição: 1
Ano: 2016
O sexto volume do fenômeno editorial nos Estados Unidos, com mais de 3 milhões de cópias vendidas Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Mia vai passar o mês de junho em Washington com Warren, um coroa rico que precisa de uma mulher a seu lado para tratar com políticos e investidores. O acordo entre eles não envolve sexo — já com Aaron, o filho de seu cliente, Mia não pode garantir.

Em comparação aos dois últimos livros esse deu uma melhorada!

Mia é uma mulher que se vê em uma posição difícil. Seu pai deve uma quantia exorbitante a um agiota e a única maneira que encontra de receber uma quantia tão alta em um ano é trabalhando pra sua tia, como acompanhante de luxo. Não leitor, ela não é uma prostituta, mas pode ser que ela se envolva sexualmente com alguns personagens.

Em Junho Mia viaja para Washington para trabalhar como acompanhante de um político rico e influente, ele já é um senhor, Warren, e quer alguma mulher pra acompanhá-los e ajudá-lo a fazer alguns acordos pra ajudar aos mais necessitados. Warren tem um filho, que também trabalha na política e é muito requisitado, além de ser novo, bonito e gostoso. 

Mencionei no comentário antes da resenha que esse livro havia sido melhor que os dois últimos, mas isso não quer dizer que não houve coisas que me incomodaram, pelo contrário, houve e muitas. O que difere dos outros é que não há tantas cenas com sexo nesse livro, porém outros clientes da Mia deram o ar da graça nesse volume. Bem, o Warren é um senhor e não tem a menor pretensão de ficar com a Mia, até porque ele já tem alguém. Já não podemos dizer o mesmo do seu filho, Aaron. E aí, vamos a primeira coisa que me incomodou: Assim que a Mia chega na casa (que é enorme, tipo um castelo) se depara com o Aaron e fica que nem uma retardada quase babando e já sentindo uma quenturinha nas partes íntimas, o cara mal trocou uma frase com ela e a Mia já estava completamente molhada por ele. Eu gosto quando há conexões rápidas entre os personagens, mas esse ficou muito forçado, ela não sabia como agir, sabe?! Até porque em todos os volumes ela fica dizendo que gosta especificamente de um dos seus clientes e que com ele é diferente, mas quando vê um homem que é bonito acende o fogo na mulher que não compreendo.
O Warren precisa de uma mulher nova e bonita, só pra ser bem visto entre os homens da política que geralmente apresentam esse tipo de mulher. Porém ele já tem alguém que ama, mas que na verdade fica escondida na sua casa como governanta, uma empregada que vai todas as noites dormir com o chefe. A Mia acha isso insano e foi inconveniente algumas vezes com o "chefe", ela sentiu que deveria fazer alguma por eles. Achei isso bacana, porém foi como se eu já tivesse revivendo outro livro (da mesma série), onde ela ajuda o casal a se assumir publicamente. Outro ponto que me incomodou foi como a autora abordou um tema, que atualmente está sendo bastante discutido (graças à Deus!), onde ela não se aprofundou. A Mia acaba passando por um episódio bem pesado e toma uma decisão que ao meu ver foi a errada, e infelizmente a autora me decepcionou um pouco em relação a isso. O Warren é rico e influente e queria ajudar a países de terceiro mundo e foi nisso que a Mia pensou ao tomar sua decisão, não levou em conta que ela ajudaria muitas mulheres externando o que ela passou, porque provavelmente ela não foi a única que passou por isso. Além disso a nossa protagonista se mostrou muitas vezes ingênua e se embebedando facilmente, nunca vi nos cinco livros da série ela ficando não vulnerável como estava quando bebia nesse (não que isso justifique algo, mas não condiz com a Mia dos outros livros).

Mas calma, que nem tudo foi incômodo na leitura, a amizade que a Mia construiu com a namorada do Warren foi muito legal de se ver. Como a mulher já era mais velha, me pareceu uma relação mais maternal entre as duas e como sabem a Mia, sua irmã mais nova e seu pai foram abandonados pela mãe. Uma outra coisa que gostei bastante é que as cenas de sexo diminuíram bastante, na verdade mal tiveram, visto que a Mia não se relacionou sexualmente com ninguém nesse livro, mas trocou carícias com o Wes (cliente de janeiro) via mensagem de texto e isso apesar de ter sido bem carnal, foi com uma conexão evidente que existe entre eles.
“O mundo seria muito melhor se todos dissessem o que pensam e vivessem de acordo com a regra do outro.”
Alguns outros personagens que foram clientes da Mia nos outros meses deram o ar da graça deles nesse livro e foi muito bacana revê-los e gostar mais ainda do que eu gostava. Eles se mostraram amigos de verdade da Mia, estavam com ela e ficaram com ela quando ela precisou. Eu não posso reclamar que a autora não sabe fazer personagens bem construídos, porque ela sabe. A maioria deles são admiráveis e você quer conhecer mais sobre eles, o reaparecimento de alguns foi bem proveitoso pra sabermos como andam e o que aconteceu na vida deles desde que a Mia saiu. 

Sobre os detalhes: A capa continua no mesmo estilo e eu curto bastante, apesar de ainda achar que os vestidos deveriam ter a ver com a história. A diagramação e espaçamento estão ótimos, não encontrei erros. 

Comentário final: Esse livro foi um pouco melhor que os dois últimos, isso não quer dizer que foi incrível. Mas deu uma melhorada e espero que os demais continuem a melhorar e tenham um desfecho digno. No mais, indico a leitura, ela fluí e quando você dá conta já terminou de ler.

SÉRIE A GAROTA DO CALENDÁRIO
Janeiro #1 | Fevereiro #2 | Março #3 | Abril #4 | Maio #5


20 comentários

  1. Oi Kamilla! Tudo bem?

    Já devo ter ouvido falar destes livros, ou até lido uma resenha aqui dos anteriores, mas sinceramente não me recordo porque não me interessaram. Fiquei curioso da forma como a personagem principal tenta resolver o problema de seu pai e ainda mais pelo final que deve ser um tanto interessante.

    A capa é bem chamativa, mas a premissa não me chamou tanta atenção como sua resenha que por sinal está muito boa!

    Grande abraço!
    www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Victor! A série é hot, pode ser isso que não agrade muito. E ele tem seus altos e baixos, mas é bom. rs
      Beijos

      Excluir
  2. Já vi muitas pessoas comentando sobre este livro, mas até então nunca tinha lido uma sinopse nem resenha.
    É uma série que nunca me chamou atenção, mas gostei de saber um pouco mais sobre ela.
    Será que não rolou um amor à primeira vista entre Mia e Aaron? Pelo menos um amor lá embaixo...
    Parece que Mia é uma personagem bem bacana, e mesmo passando por situações difíceis ela está sempre preocupada em ajudar o próximo. E legal saber que alguns clientes se tornaram amigos dela, e a ajudam. Isso me tirou a impressão de que era um romance 100% hot.
    Tomara que as outras leituras sejam mais agradáveis e com mais acertos.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha... Amor com certeza não é, só fogo no rabo mesmo! hahaha Tem muitas cenas hots sim, Ludy, algumas até desnecessárias, mas trás outras coisas bem legais. Também espero que os demais sejam legais.
      Beijos

      Excluir
  3. Kamilla!
    Ainda não comecei a leitura dessa série.
    Quer dizer que Mia dá uma de cupido com seu acompanhante? Pelo menos está fazendo o bem, né?
    Bom ver que outros personagens de livros anteriores aparecem nesse também
    E que final será esse tão intrigante? Fiquei curiosa.
    “O primeiro passo para a cura é saber qual é a doença.” (Provérbio Latino)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Das primeiras vezes até foi bom, mas acaba se tornando algo repetitivo demais sabe, Rudy? a salvadora de todos, ficou forçado. O final me deixou bem... haha deixa quieto.
      Beijos

      Excluir
  4. Oi, Kamilla!

    Já ouvi falar nessa série, mas admito que nunca tive muito interesse... que bom que o livro melhorou um pouco comparado aos dois anteriores, apesar dos detalhes que você mencionou. Muito ruim quando a conexão entre os personagens se dá de uma forma muito forçada, porque normalmente não conseguimos nos sentir tão envolvidos assim pelo romance...

    Beijos,
    Isa
    Viciadas em Livros
    Participe do Amigo Secreto Literário do Viciadas em Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Não há nem romance, Isa... nessas relações eram só sexo mesmo! kkkk
      Beijos

      Excluir
  5. Já li todos da série. Como vc, não compreendo esse lado dela de gostar do Wes e não aguentar ver os outros kkk.
    Alguns livrps eu achei bem interessante...outros, nem tanto. Alguns me deixaram enojada com as atitudes da Mia. Tem cenas eróticas que não tem cabimento. Na minha opniao, o primeiro, o segundo e os últimos são os melhores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Algumas cenas e atitudes são desnecessárias mesmo e irritam! haha
      Beijos

      Excluir
  6. Oi Kamilla,
    A posição que a Mia se encontra é complicada e nada favorável. A dívida que o pai dela adquire é exorbitante e até consigo entender que ser acompanhante de luxo tenha sido a forma mais rápida e certa de conseguir o dinheiro necessário, mas a forma que ela se sente atraída (tão rapidamente) pelos clientes deixa a trama muito superficial. Eu já imagino qual será a complicada situação que ele irá passar e é uma pena a autora não ter tirado um proveito melhor disso criar um livro mais envolvente. Apesar de tudo, ainda pretendo ler essa série.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série tem livros bons, mas alguns pontos a autora realmente se torna repetitiva e não soube desenvolver bem, infelizmente.
      Beijos

      Excluir
  7. Oi, Kamilla. Não consigo ver a Mia sem ser uma prostituta. Ela simplesmente dorme com alguns clientes e recebe por isso, mas não, é apenas uma acompanhante de luxo. É como tampar o sol com a peneira. Eu tentei ler essa série mas ela me incomodou horrores, aff.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela tem clientes e é paga pra acompanhar e não fazer sexo, se ela faz é porque tem tesão. Afinal, nós mulheres temos direito de ir pra cama com quem quisermos na hora que quisermos, certo? Então, é basicamente isso que a autora quer passar. rs
      Beijos

      Excluir
  8. Pelo que percebi esse série parece que tem seus altos e baixos alguns livros são bons outros não, ganhei os quatro primeiros volumes em um sorteio, mas queria ter todos para ler de uma vez. Gostei desse pois fala um pouco dos outros personagens dos livros anteriores alguns devem deixar saudade, pena que também deixa a desejar em alguns quesitos.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Kamilla!
    Não gosto muito dessa série A garota do calendário até tentei dar uma chance a esses livros mas infelizmente não deu!! Então vou passar a indicação!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  10. Vejo tantas resenhas dessa série que não sei como ainda não li ela, tenho os livros de julho e agosto, mas não li ainda por causa da minha mania de sempre querer seguir a ordem de tudo, uma pena que esse livro não foi muito bom, somente melhor que os anteriores e que a Mia parecia não ser a mesma dos outros livros, espero que isso melhore nos outros livros.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Sempre quis ler essa série, mas acho-a muito longa kkkk. Li a resenha e fiquei curiosa pra ler os outros livros da série. E que pena que a historia vai ficando repetitiva e sem graça, da um desanimo quando isso acontece.
    Mas gostei da resenha, está bem sincera e ótima.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Eu li apenas primeiro livro da série, e não gostei muito pois não faz meu estilo de leitura.
    Acho muito longa a serie, e fica uma coisa cansativa pois é realmente repetitivo.
    Gostei da ideia dos vestidos capa terem a ver com as história, faria realmente muito mais sentido.

    beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu não li essa serie ainda, mas vejo que esse livro não foi muito o seu agrado. A personagem, ela é bem legal, com uma personalidade unica, porém ainda sim parece que nesse livro não houve uma química como nos outros livros. Estou super ansiosa por incia essa serie!

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO