06/04/2018

RESENHA: Um Sedutor Sem Coração - Lisa Kleypas

Os Revenels #1
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Edição: 1
Ano: 2018
Devon Ravenel, o libertino mais maliciosamente charmoso de Londres, acabou de herdar um condado. Só que a nova posição de poder traz muitas responsabilidades indesejadas – e algumas surpresas.
A propriedade está afundada em dívidas e as três inocentes irmãs mais novas do antigo conde ainda estão ocupando a casa. Junto com elas vive Kathleen, a bela e jovem viúva, dona de uma inteligência e uma determinação que só se comparam às do próprio Devon.
Assim que o conhece, Kathleen percebe que não deve confiar em um cafajeste como ele. Mas a ardente atração que logo nasce entre os dois é impossível de negar.
Ao perceber que está sucumbindo à sedução habilmente orquestrada por Devon, ela se vê diante de um dilema: será que deve entregar o coração ao homem mais perigoso que já conheceu?
Um sedutor sem coração inaugura a coleção Os Ravenels com uma narrativa elegante, romântica e voluptuosa que fará você prender o fôlego até o final.
Já quero ler mais livros da Lisa Kleypas!
Devon Ravanel é um típico libertino que quer curtir mulheres, jogar e farrar, mas vê sua vida mudar quando o seu primo morre em um acidente de cavalo e acaba herdando o título, o condado e as muitas responsabilidades que isso trás. A propriedade está totalmente falida, logo decide em vender tudo e viver sua vida normalmente, mas tudo começa a mudar quando conhece a viúva de seu primo, Kathleen.
“Às vezes é preciso amar algo antes que ele se torne digno de amor.”
Kathleen ficou casada apenas por poucos dias antes do falecimento do seu marido, Theo, e já se vê em uma nova situação inesperada quando o Devon chega com o intuito de vender a propriedade, que deixaria ela e as suas cunhadas sem um lar. Mas claro que nossa mocinha que tem uma personalidade forte, é um pouco teimosa e inteligente consegue reverter a questão da venda e um pouco mais... vai conquistando o coração de um libertino, de um sedutor sem coração.
Essa obra foi o meu primeiro contato com a Lisa Kleypas e fiquei completamente encantada com a construção dos personagens, da narrativa e do romance.

O Devon muda de opinião a respeito de vender a propriedade quando conhece um pouco mais a Kathleen, a vida dela e das irmãs de Theo. Mas é inegável o encantamento dele por ela, assim que conversam um pouco mais. A Kathleen porém foi bem reclusa em relação aos sentimentos, até pra assumir pra si própria, o que me irritou um pouquinho já que estava na cara e ela ficava na negação. O casamento dela com o Theo não foi por amor, na verdade o finado era um cara que quase ninguém gostava. 
“– Conheço muitos fatos científicos sobre o coração humano, e um deles é que é muito mais fácil fazer um coração parar de bater em definitivo do que evitar amar a pessoa errada.”
O relacionamento de Devon com a Kathleen foi bem gradativo, foi passando de atração física, para algo mais profundo: o amor. Foi bem bonitinho de ver aquele libertino se dando conta de que nutria um sentimento real por ela, já a nossa mocinha conseguiu perceber que podia sentir coisas incríveis com alguém que realmente se importasse com ela. Cada um guarda suas mágoas e receios dos seus  respectivos passados, foi bom ver a evolução e superação deles.

Apesar de ter adorado o casal, o que mais me encantou nessa história foram os personagens secundários. O Theo deixou três irmãs: Helen que é um jovem meiga, ingênua, adorável, inteligente e sensata e as gêmeas Cassandra e Pandora que são duas jovens cheias de energia e que fogem muito do tipo "bela, recatada e do lar". Destaco a Pandora que é incontrolável e adorável, foi sem dúvidas a minha personagem favorita. Além delas também temos o irmão do Devon, West, que a principio segue o mesmo rumo do irmão: não quer nenhum tipo de responsabilidade, mas quando se propôs a ajudar na restruturação da propriedade visualizou um lado seu, até então desconhecido. Menciono aqui também que essa família adotou um animal de estimação fora do comum: um porquinho, que acha que é um cachorro - muito fofo!
“– Você poderia se ocupar com uma tarefa útil – sugeriu Cassandra, indicando o bordado em trabalhava.
– O Tempo passaria mais rápido.
– As pessoas sempre dizem isso, mas não é verdade. A espera demora exatamente o mesmo tempo, esteja a pessoa sendo útil ou não.”
Nessa obra a autora já deixou o gostinho de quero mais para o próximo livro da série, sobre a Helen e um outro personagem que é amigo próximo do Devon, o Winterborne. Gostei bastante dessa apresentação para o leitor já ficar imaginando o que virá, principalmente porque é impossível não gostar dos personagens. Só uma coisa me incomodou nisso, a Kathleen foi bem chata e inconveniente nas decisões da Helen em relação ao mocinho, mas esperemos o próximo volume da série pra saber como tudo vai ser.

Um Sedutor Sem Coração é um romance fofo, com personagens bem construídos, apaixonantes e com uma narrativa totalmente fluída. Se você gosta do gênero, creio que se apaixonará pelo livro!

Série Os Revenels
Um Sedutor Sem Coração #1 
Uma Noiva Para Winterborne #2
Um Acordo Pecaminoso #3
Um Estranho Irresistível #4


13 comentários

  1. Oi, Kamilla.

    Acho que de certa forma, a Kathleen chegou pra mudar os aspectos da vida de libertino do Devon, como ele a encara, seus pensamentos...

    Essa leveza com humor é que são as melhores partes, por não ficar um clima pesado na trama... Apesar de ser um romance! Histórias que incluem animaizinhos é demais. Adoro! 😍

    ResponderExcluir
  2. Oi Kamilla.
    Eu adoro os livros da Lisa. Então quero muito ler essa nova série.
    Ahhh que bom saber que há animais de estimação. Adorava a Beatrix e seus animais da série Os Hathaways. São sempre um ponto positivo na história.
    Achei bem interessante a autora já ter colocado uma prévia do casal do próximo livro. Deve deixar os leitores bem ávidos pelos próximos livros.
    A capa é lindíssima.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Kamilla ;)
    Adoro romances de época e os livros da Lisa são incríveis, te indico muito os outros lançados!
    Comprei Um Sedutor na promoção do Dia da Mulher na Saraiva, e será uma das minhas próximas leituras... sua resenha só me deixou com mais vontade ainda de começar logo ele *-*
    Mesmo tendo todos os elementos de um bom clichê, sem dúvida a escrita da Lisa continua incrível e ela sabe como ninguém entreter os leitores com personagens maravilhosos!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Kamilla,
    Sou fã de romance de época e a Lisa Kleypas ganhou o posto de umas das minhas autoras favoitas do gênero. Então, é claro que fiquei empolgada quando vi que seria publicado uma nova série da autora, e com capas exuberantes! Estou ansiosa para conhecer esse casal, confesso que adoro um bom libertino kkk. Adoro quando o relacionamento vai sendo construído aos poucos, onde acompanhamos a evolução da amizade e confiança do casal, com a superação das inseguranças e dramas dos passados dos personagens. Fico empolgada em saber que os personagens secundários foram bem construídos, assim fica aquela expectativa do que esta por vim nos próximos livros.
    Apesar de estar ansiosa para começar a ler prefiro aguardar a publicação de toda a série.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Kamilla
    Já conheço a Lisa de muito tempo, então sei que ela é maravilhosa nos trabalhos que faz. Esse livro já está na minha lista, espero gostar tanto quanto você.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
  6. Confesso que é uma história que não me chama tanta atenção, falta algo mais para ficar do meu gosto.
    Mas eu gosto muito dessas personagens fortes e teimosas, e é interessante ver um libertino se apaixonando.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Não sou fã de romances de época, embora a história pareça ser mesmo de tirar o fôlego. Já ouvi falar da autora e sempre vejo muitos elogios as suas obras. Gostei de conferir um pouco sobre a sua opinião, mas vou deixar pra próxima.

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nenhum livro da autora e tenho vontade de ler, deve ser uma historia gostosa de ler com esse romance dos personagens, gostei por ir surgindo aos poucos, nada de pressa, fiquei imaginando coo o mocinho ficou ao se dar conta do que sente pela viúva. Os personagens parecem que foram trabalhadas e que nos conquistam fácil.

    ResponderExcluir
  9. Olá, apesar de não apresentar nada de inovador a trama consegue entreter o leitor o diálogos cômicos e personagens bem construídos, os quais o leitor consegue acompanhar amadurecimento. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oi Kamilla,
    Leia sim outros livros da autora, apesar de manter um certo clichê eles sempre nos encantam.
    Eu estou ansiosa para ler esse livro, achei a história linda (como sempre, rsrs) e gostei de saber que os sentimentos do casal surge gradativamente, é algo que valorizo muito em romances de época! Nem precisa dizer que já está na lista de desejados desse o lançamento...
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Kamilla!
    Dessa vez me parece que a Lisa trouxe uma série mais bem elaborada, com os protagonistas de temperamento forte e impulsivo, juntando além do romance, uma verdadeira aula de história sobre a revolução industrial e várias outras subtramas que devem prender do início ao final.
    Uma pena que não se empolgou tanto com a leitura.
    Desejo uma ótima semaninha!
    "De vez em quando eu não sei o que fazer comigo mesmo e com o meu gênio. É um saco estar sorrindo e dois minutos depois chorando." (Augusto Cury)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA ABRIL – ANIVERSÁRIO DO BLOG: 5 livros + vários kits, 7 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  12. Nunca li nada da autora, mas já ouvi muito flar dos livros dela.
    Gosto de livros que no começo o casal não se gosta, mas que vão descobrindo o amor ao longo do tempo. Deve ser uma leitura prazerosa em uma tarde agradável. Deu até vontade de ler kkkk
    Beijos, Jady

    Garota, Era uma vez
    http://garotaeraumavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Kamilla,
    Tenho pouca experiência com romances de época e esta está reduzida a uma única autora, mas dentre as mais citadas no país, Lisa Kleypas é, de longe, uma das que mais anseio conhecer as obras. De cara a protagonista faz essa história ser diferente da proposta em outros romances de época. Sendo viúva e tendo que lutar pelo que é seu, Kathleen demonstra uma personalidade forte já na sinopse do livro. Na minha opinião, nesta obra a autora conseguiu fazer com que o romance não fosse o único sentimento explorado,pois há união, amizade e compaixão de sobra por parte dos protagonista e achei isso bem motivador. A capa, como sempre acontece nos livros da Lisa Kleypas, está linda e muito contribui para me fazer querer conhecer esta história.

    ResponderExcluir

PAGINAÇÃO